Nova cartela de cores Melissa

Toda vez que a Melissa lança Coleção nova e a gente fica se perguntando qual cor vai ser a nossa nova queridinha, né? São trabalhados mix de cores em combinação clássica e não tão clássica assim, mas a verdade é: a gente sempre se apaixona. Isso porque cada um conta uma história, inspira uma tendência e combina com um sentimento ou estação.

Na Coleção Mapping nós já pudemos conhecer muita coisa nova, muito conceito, história e claro novas combinações de cores. Fosco, brilhante, liso, texturizado, gliterizado, flocado, estampado… é uma infinidade de cores e acabamentos para todos os gostos mesmo.

Nesse post eu trouxe para vocês alguns conceitos da nova cartela de cores da Coleção Mapping da Melissa além de dicas de como usar essas cores na estação e durante seu dia! Vamos conhecer?!

verde

O Verde Mate é a cor da coleção, quem não dava muita credibilidade não resistiu aos encantos. Da família do verde militar, é uma super tendência que vem com um tom um pouco mais fosco e promete completar os looks de forma harmônica! Claro, além da queridinha Ulitsa a cor Verde Mate faz parte da cartela de cores da Honey II!

Rosa Bale

A cor Rosa Balé é aquela cor divertidas, moderninha e completamente despojada. Possui um tom um tanto quanto adocicado não é mesmo? É perfeita para s meninas românticas que não abrem mão daquele toque de estilo! Além da Broadway essa cor está na cartela de cores da Mar Wedge!

Azul profundo

Atrevida e em tom mais fechado a cor Azul Profundo conquistou as fashionistas. Tornou-se quase um neutro em meio as combinações mais estilosas. Traz seriedade, mas também aquele pedacinho de cor em qualquer look, não tem erro! Além da Dubrovka outros modelos como Beach Slide e Daikanyama também possuem essa cor <3

Bordo

Sofisticada, elegante e sóbria. A cor Bordo há tempos já é uma das queridinhas das estações mais frias, mas não a impede de ser usada nas estações mais quentes, afinal, é só uma cor né? Resulta em looks cheios de elegância e seriedade, na Coleção Mapping essa cor está presente também na Beach Slide Flower!

Amarelo Amaro

Vibrante, colorida e divertida. A cor Amarelo Amaro chegou a pouco tempo na coleção e está conquistando um espacinho no coração das Melisseiras. Totalmente despretensiosa é aquele toque de cor de dá um up no look além de garantir que ele seja moderno e descolado. Além da Shibuya outro modelo nessa cor é a Ulitsa <3

Marrom tend

A cor Marrom Tend é aquela cor que todo mundo quer no guarda-roupa, sabe? Básica e neutra é o clássico “vai com tudo”. Por seu neutra vai bem tanto nos dias mais amenos quanto nos dias quentes, esse principalmente! A Melrose é o único modelo da coleção com essa cor <3

Então, gostaram? Qual cor é a preferida de vocês da Coleção Maping? Conta pra gente <3 E não se esqueçam, tem tudo na Meninashoes! ♥

Beijos, Tali!

Como cuidar dos cabelos coloridos?

Olá pessoal, tudo ótimo? Como eu havia prometido semana passada, hoje estou de volta! Pintar os cabelos é legal, mas com isso também vem a grande necessidade de cuidar muito bem para que ele não vá de legal para medonho, não é? 😝 Então nesse post vou falar um pouco de como você pode organizar esses cuidados e o que utilizar de acordo com a necessidade do seu cabelo! ♥

Cabelos Coloridos

Esta dica poderia se resumir em duas palavras: CRONOGRAMA CAPILAR. O CC nada mais é do que uma rotina de cuidados onde tudo é feito planejadamente de acordo com a principal necessidade do seu cabelo naquele momento. As etapas são: hidratação, nutrição e reconstrução. Cada uma delas irá repor elementos diferentes nos fios, por isso é importante primeiro analisar o aspecto atual de suas madeixas e definir qual delas deverá ser intensificada. Você pode reorganizar seu CC quando sentir que seu cabelo precisa de outros tipos de elementos. Vamos entender um pouquinho de cada etapa:

  • Hidratação: reposição de água

O cabelo que precisa de muita hidratação é aquele que está ressecado, quando seca fica sem vida, com muito frizz e aspecto de “vassoura”.

Produtos para esta etapa irão conter componentes como: Vitamina A ou D-Panthenol, Vitamina E, Bepantol, Babosa ou Aloe Vera, Glicerina, entre outros.

babosa

 

  • Nutrição: reposição de nutrientes

O cabelo que precisa de muita nutrição é aquele que tem fios elásticos, sensíveis e quebradiços.

Produtos para esta etapa irão conter componentes como óleos (de coco, oliva, argan, macadâmia, abacate, rícino, semente de uva, etc) e manteigas (de karité, etc). Nesta etapa também é muito comum realizar a chamada UMECTAÇÃO, que nada mais é do que aplicar o óleo 100% vegetal puro nos fios por um tempo antes de lavar.oleo-de-coco

  • Reconstrução: reposição de proteínas, queratina e colágeno

O cabelo que necessita de muita reconstrução é aquele que não tem movimento, brilho e massa, está extremamente quebradiço molhado ou seco.

Produtos para esta etapa irão conter componentes como queratina, colágeno e aminoácidos. Nesta etapa é preciso cuidado, pois, o excesso de queratina nos fios pode deixá-los muito rígidos e ainda mais quebradiços, por isso importante realizar a reconstrução com pelo menos 15 dias entre uma e outra.

Queratina

Como organizar seu Cronograma Capilar: abaixo está um exemplo de como podem ser organizadas as etapas do CC, porém, você deve adequá-lo de acordo com as suas necessidades, ok?

Semana 1:

Hidratação – 1 a 2 dias sem lavar – Hidratação – 1 a 2 dias sem lavar – Nutrição – 1 a 2 dias sem lavar

Semana 2:

Hidratação – 1 a 2 dias sem lavar – Nutrição – 1 a 2 dias sem lavar – Nutrição – 1 a 2 dias sem lavar

Semana 3:

Hidratação – 1 a 2 dias sem lavar – Nutrição – 1 a 2 dias sem lavar – Reconstrução – 1 a 2 dias sem lavar

Semana 4:

Hidratação – 1 a 2 dias sem lavar – Hidratação – 1 a 2 dias sem lavar – Nutrição – 1 a 2 dias sem lavar

Mask

Espero que tenham gostado e que aproveitem as dicas. Bom tratamento!

Até mais, Isa ♥

 

 

Coordenadas Melissa – Coleção Melissa Mapping: Parte 2

Hoje eu vim trazer muita informação e conhecimento! A Coleção Melissa Mapping foi lançada oficialmente no dia 10/08 e como nós sabemos, essa Coleção traz o conceito de representações geográficas e suas conexões no mundo da moda, não tá por dentro? Então dá uma olhadinha no post que a Rafa fez explicando sobre a nova Coleção <3

Eu trouxe mais alguns modelos da Mapping e toda a sua história que serviram de grande inspiração para o desenvolvimento dessas Melissas maravilhosas que estamos amando! Vamos viajar?

Koenji

Inspirada em um bairro de Tóquio a Melissa Koenji traz um ar moderno, autêntico e urbano. Com uma pegada mais street a Koenji possui na sua plataforma textura de asfalto remetendo exatamente às ruas, as tiras mais finas dão um ar clean perfeita para ganhar as ruas com muito estilo e ousadia! Quem olha de primeira logo pensa: pesada. Mas acreditem, ela é super leve e confortável, nadinha pesada e super flexível, tudo graças a tecnologia de PVC expandido, então, é só correr garantir a sua!

Shibuya

Ainda no Japão nós temos a Melissa Shibuya que tem como grande inspiração um bairro homônimo de Tóquio. A Shibuya veio para descomplicar, possui shape minimalista e está pronta para ganhar os pés das Melisseiras, porque? Bom, além do conforto ela traz um design diferenciado com a base elevada, o que a deixa moderna, despojada e claro, mega confortável. Não tem como não amar!

broadway

Que tal irmos para a cidade que nunca dorme? Sim, estou falando de New York! A cidade que nunca para, possui ritmos frenéticos e diversos lugares para se descobrir. Bom, estou falando da Melissa Broadway, inspirada na avenida mais conhecida  por seus musicais e teatros a Broadway é isso, despojada com uma pegada vintage perfeita para ganhar os ruas e descobrir lugares!

Soho

Sporty, urbana, cool. A Melissa Soho carrega em si muitos conceitos, dentre eles o principal é versatilidade. Inspirada em um bairro de New York traz exatamente o que a cidade traduz, em ritmos frenéticos é possível encontrar conforto e praticidade, o solado possui textura de sneaker e tiras largas que dão mais segurança e tranquilidade no caminhar. A cara da garota urbana, não tem como não se apaixonar!

Essas foram algumas das Melissas mais amadas e esperadas da Coleção Mapping, todos esses modelos possuem as coordenadas exatas dos lugares que trouxeram inspiração para as suas criações. Já garantiu as suas preferidas? Vamos re-descobrir o mundo <3

Beijos, Tali

Cabelos Coloridos: as principais dúvidas

Olá pessoal! Tudo bom com vocês? 😊 Eu sou a Isa, tenho 22 anos e sou Designer. Recebi o convite da Talita e da Rafa para vir aqui esta semana falar para vocês sobre um assunto que eu amo: cabelos coloridos Pinto meu cabelo desde os 12 anos de idade e assim passei por muitas situações até finalmente aprender a cuidar bem das madeixas, porque afinal, ter uma cor legal em um cabelo não saudável não vale a pena! No post de hoje irei responder algumas perguntas que sempre me fazem e assim espero ajudar quem está afim de dar aquela mudada no visual 😉

cabelos-coloridos

Precisa descolorir?

Sim! Se você pretende utilizar um tonalizante semi-permanente, que é o caso da maioria das tintas fantasias existentes hoje no mercado, você precisa realizar uma pré descoloração. Para isso você irá utilizar a água oxigenada mais o pó descolorante.

Quanto eu preciso descolorir meu cabelo?

                Isso varia de acordo com a cor que você irá aplicar depois. Cores como o vermelho, o laranja, o verde e até o roxo podem ser aplicadas em um cabelo não tão claro, porém, cores como o rosa, o azul e cores em tons pastéis exigem um cabelo bem mais claro e matizado, ou seja, sem estar amarelo.

tons

 

Pintar de colorido estraga o cabelo?

Como toda química, infelizmente sim, mas é importante lembrar que os danos nos fios são causados pela descoloração e não pela aplicação da cor em si. O grau dos danos causados depende da maneira como o processo é feito, por isso é importante utilizar descolorantes de qualidade, que acabam sendo mais caros porém abrem mais tons danificando muito menos o cabelo, então vale a pena o investimento 😉

Lembre-se: caso você precise realizar mais de uma descoloração nos fios para poder aplicar a cor desejada, é IMPORTANTÍSSIMO fazer um intervalo de alguns dias entre as descolorações e hidratar os fios entre elas. Há casos de corte químico nos cabelos dos apressadinhos que querem mudar de cor de um dia para o outro, então tenha paciência que tudo dará certo no final!

482136717

Quanto tempo a tinta dura no cabelo?

                O tempo de duração varia de acordo com a saúde do cabelo e a qualidade da tinta utilizada. Normalmente de 15 a 20 dias após a coloração o cabelo já precisa ser retocado, mas há quem passe meses com a cor quase intacta!

2d3f31a7f357bd6d8c87e52ea53a3185

Marcas de tinta fantasia que já testei e aprovei:

  • Creative Crazy Colors Create da Alta Moda – Alfaparf: esse é meu atual amorzinho e por isso vou falar um pouco mais sobre ele. Creative Crazy Colors tem cores lindas apesar da pouca variedade, são apenas 5 cores. É fácil de aplicar pois a tinta “desliza” nos fios, hidrata, possui um cheiro MARAVILHOSO de doce e tem glitter, sim, GLITTER! É para se sentir uma sereia mesmo! As cores azul e turquesa duraram bem em meu cabelo e mesmo desbotado, o cabelo continua com cores lindíssimas *-* Ah, e o mais legal é que esse tonalizante é livre de petrolatos, só amor ♥ Seu preço varia entre R$20,00 e R$24,00 o tubo com 120 gramas, bem acessível!

Creative-Crazy-Color

  • Candy Color – marca nacional: ela é uma das primeiras marcas nacionais. Possui uma textura diferente da maioria pois é uma espécie de gel. Tem uma grande variedade de cores e tons, durabilidade de 15 a 20 dias nos cabelos em média e seu preço varia entre R$29,99 e R$39,99.

candy_color_nova_2

 

Outras marcas recomendadas:

  • Kamaleão Color– marca nacional

topo_149555253565703

  • Manic Panic – marca importada

698a8de6-4d92-4bc6-8d8f-12eec95819e2

 

Pintar em casa ou no salão?

A parte mais complicada do processo é, novamente, a bendita descoloração. Se você tem um dinheirinho extra e não sabe realizar os procedimentos sozinho, marque um horário no salão de sua confiança. Se você não tem um dinheirinho a mais e quer se arriscar em casa, leia bastante, se informe sobre as técnicas, veja tutoriais e só então coloque a mão na massa. Você também pode optar por descolorir com um profissional e depois pintar e retocar as cores em casa ♥

o-HAIR-DYE-facebook

Por hoje é isso galera! Espero que tenham gostado e semana que vem eu volto para falar um pouco sobre os CUIDADOS necessários para o cabelo continuar lindo mesmo após essa mudança radical!

Beijos, Isa